Home » Sem categoria

Sem categoria
» UM PROJETO QUE DEU CERTO – FEIRA ECOLÓGICA DO BOM FIM

UM PROJETO QUE DEU CERTO – FEIRA ECOLÓGICA DO BOM FIM

 

Imagem Pública – Presidente Jane Alice Machado Editor do Blog Luiz Carlos Félix

Foi estabelecido junto a uma robusta tipuana, o espaço que será ocupado pelo Projeto da Feira Ecológica, hoje conduzido pela MESA BRASIL-SESC em parceria com o Rotary Bom Fim, seu criador em 2003. O Banner com o apelo “DOE ALIMENTOS”, chamou atenção, pois muitos não sabiam porque daquelas caixas cheias de produtos naquele local. Uma ótima exposição da imagem do Clube à comunidade. Na foto aparece ainda a voluntária Mirian Pires Limberger, que há dois anos colabora com o Projeto, na função de Xerife (supervisora das doações). A participação dos feirantes doadores, são importantes e estimulam cada vez mais a continuidade desse Projeto.

(Clic sobre as fotos padra ampliar a visualização)

 

 

 

Na data de 02 de junho, foram recolhimento  420 kg de hortifrúti, com o apoio do Fabio e Jonathan do SESC e  supervisão da Mirian Pires Limberger, também é voluntária do Instituto de Câncer Infantil, os produtos  acondicionados em engradados, depois recolhidos ao furgão frigorifico. Após classificados e embalados, serão encaminhados a centenas de instituições filantrópicas de Porto Alegre, pela MESA BRASL-SESC.

 

 

Partiu o furgão da MESA BRASIL-SESC, levando o que sobrou e foi doado pelos feirantes, e consigo parte do trabalho voluntário e humanitário do Rotary Bom Fim, iniciado há 15 anos.  O que sobra para uns, pode estar falta para outros, assim “nada se perde”.

 

Companheiro Luiz Alberto Mota um dos criadores do Projeto que há 15 anos estava todos os sábados comandando o recolhimento das doações, pela sua saúde está impedido de permanner nessa função. O Clube se recente em perder a participação do Motinha, mas respeitada  e com desejos que se restabeleça o mais breve. A continuidade de sua exemplar doação ao projeto, servirá de exemplo a ser seguido. Saúde companheiro, pois a Feira Ecológica tem a tua “marca e sinal” como dizem lá na tua Bagé.

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *