Conferência Distrito 4680

O Governador Waldemar Lopes Moraes e a esposa Maria Beatriz, do Distrito 4680, foram os anfitriões que receberam centenas de rotarianos na 58ª Conferência Distrital, realizada na histórica cidade de Rio Pardo. A mesa principal estava composta pelo representante de Rotary Internacional Herbert Moreira, autoridades locais, palestrantes e Governadores. O protocolo foi do rotariano Cláudio Bins/ Rotary Porto Alegre Glória-Teresópolis.

Nosso Clube se fez presente, pelo Presidente Rudolf Moth Nielsen e esposa Jane Alice Machado, Valter Carvalho Mendonça, futuro Presidente e Ilone Dreifus, Secretária. aconteceu uma série de interessantes palestras, versando sobre: – Missão Humanitária no Haiti, pelo Tenente Marco Aurélio; – Depressão, entrevista com um paciente pelo Psiquiatra Fernando Neves; – Liderança com Propósitos, pela Psicologa Natassia Poliseni, que foi rotaractiana no Rotaract Bom Bom Fim ; – Superar limites pelo Professor Steven Dubner, fundador da Associação Brasileira de Atletas Paraolímpicos .

O evento transcorreu nos dias 17, 18 e 19 de maio, com um coquetel de abertura e confraternização dos presentes. Sábado, dia 18 foi um dia de intensa programação, com as palestras, momento artístico e a palavra do representante do Rotary Internacional companheiro Herbert Moreira, que fez uma análise objetiva da Conferência. No jantar baile, realizado à noite, o Governador Waldemar Morais e esposa Maria Beatriz entregaram os prêmios aos clubes que atingiram as metas Distritais. O Rotary Club Bom Fim recebeu o mérito “Prata” , pelos SERVIÇOS HUMANITÁRIOS, IMAGEM PÚBLICA, JUVENTUDE e ADMINISTRAÇÃO.

FAZER O BEM SEM OLHAR A QUEM – tema inspiração da Conferência.

Dia do Desafio

Street Store – Loja de Rua -Rotaract Bom Fim

Consórcio Paul Harris

Dia 31 de maio o Clube irá sortear os Títulos Paul Harris, para os participantes do Consórcio. Faça sua contribuição e fique habilitado a ganhar.

O Clube presente na Escola Meu Dengo.

A Escola de Educação Infantil MEU DENGO, no Bairro Rubem Berta, atende 104 crianças, com vulnerabilidade social, de 1 a 6 anos de idade em creche e pré escola. É mantida pela comunidade, com o auxilio da Prefeitura Municipal, que cede os docentes. O Rotary Bom Fim tem sido presença constante, através do Presidente Rudolf Nielsen e em algumas oportunidades pelos rotarianos Valter Mendonça, Jane Alice Machado, Ilone Dreifus e Shirley Nielsen, oferecendo apoio e procurando sanar algumas carências.

Na Escol, o Clube, já proporcionou a festa de Páscoa, forneceu material escolar e de higiene. Agora levou roupas para as crianças. A imagem registra a entrega de um computador, pelo Presidente Rudolf Nielsen, com o técnico Adriano Hidalgo, que realizou a instalação. A Escola tem 5 salas de aulas e necessita de 4 aparelhos de televisão, para ser usado no apoio pedagógico as crianças. O Clube busca doadores, para assim, concretizar o seu Projeto.

Árvores plantadas pelo Clube

Vista aérea da disposição do plantio das árvores. Cada círculo colorido representa uma espécie.

O Rotary Bom Fim, atendendo a solicitação de RI, em um projeto mundial, para que cada rotariano plantasse uma árvore no ano rotário 2017/2018. Realizou o plantio de árvores, nas Praças Deputado Carlos Santos e Emílio Sessa, na comunidade da Vila Tio Bernabé, no Bairro Santana.

Foram plantadas vinte mudas de arvores frutíferas nativas, das quais vingaram quinze. Oportunamente o Clube retomará o replantio. Este projeto foi implantado com apoio da Secretaria Municipal do Meio Ambiente – SMAM. Nas imagens o vigor das mudas em crescimento.

58ª Conferência Distrital

Bolsas Rotary pela Paz

Nossas bolsas de estudo


Veja no mapa onde os nossos alumni ( bolsistas) estão promovendo a paz.

Anualmente, a Fundação Rotária outorga até 50 bolsas para o programa de mestrado e 50 para o curso de aperfeiçoamento profissional em universidades renomadas de diversos países.

  • Mestrado: os candidatos estudam paz e desenvolvimento, têm aulas baseadas em pesquisas e integram uma sala diversificada. O programa dura de 15 a 24 meses e exige estudo de campo de dois a três meses.
  • Aperfeiçoamento profissional: profissionais experientes obtêm ferramentas práticas para promover a paz e o desenvolvimento internacional durante um curso intensivo de três meses que engloba estudo de campo e oportunidades de aprendizado em um grupo diversificado.
  • Inscrições: estão abertas até 31 de maio. Acesse Bolsas Rotary, caso preencha os requisitos, contate um Rotary Club.

Estes ex-bolsistas hoje são dirigentes de importantes organizações humanitárias a serviços da causas pela paz. Participar desse grupo de elite, pelo bem da humanidade, é uma oportunidade que Rotary oferece aos jovens.

Aniversario do Clube

O Clube Bom Fim, fundado em 27 de abril de 1978, desenvolveu em 41 anos uma trajetória de grandes realizações humanitárias. O legado em projetos concretizados falam por si e estão nas paginas “Nossa História e Projetos” no cabeçalho deste Blog.

Neste painel o registro de alguns projetos do Clube. A Bolsa de Estudo no Colégio Militar de Porto Alegre, já atendeu dezenas de jovens, por mais de 30 anos. Outro Projeto de continuidade é a Feira Ecológica, em parceria com a Mesa Brasil/SESC, recolhe e distribui produtos hortifrútis para centenas de instituições humanitárias.

Ontem num encontro informal associados participaram da inauguração da Cristaleira dos Troféus, numa sala disponibilizada pelo presidente Rudolf Nielsen em seu escritório, a rua Barro Cassal, dentro da comemoração do aniversário do Clube. Na oportunidade, foram servidos chocolates belgas, remetidos pela bolsista Anne Runde (foto), do Distrito 1900 da Alemanha, que foi acolhida em nosso Clube, quando de seu curso de Mestrado, na UFRGS.

A vida de um imigrante haitiano.

Na reunião de 26 de abril, o clube recebeu o haitiano Stanley Elpénor, contando sua trajetória de imigrante, até chegar ao Brasil. Falou da situação politica de seu país, com ditaduras e corrupção dos políticos, e as mazelas deixadas pelo sismo de 2010, que destruiu grande parte do Haiti. Com emoção, disse da dor em deixar a esposa, filho de 4 anos e familiares, ao partir. Mas era a única alternativa, em busca de recursos de sobrevivência. Mensalmente envia parte de seus ganhos, a sua família. Aqui trabalha no projeto Mesa Brasil/SESC, onde recebe apoio e solidariedade de todos os funcionários. No Haiti, Stanley era professor de matemática e francês. Está fazendo campanha para conseguir passagens, a fim de trazer sua esposa e filho, dos quais está separada há quatro anos .

A reunião conduzida pelo presidente Rudolf Nielsen, recebeu associados e convidados especiais. Contou com os representantes da Mesa Brasil, Eduardo Schmitz, nutricionista Vera Mejolaro e Guido Malaquias.

As presenças dos convidados, rotariano Ramiro Costa do Rotary Porto Alegre, Mirian Limberger, José Renato Pompeu, Marilene Novaes e filha Carolina, que enriqueceram nossa reunião.